Arqvs. por Categoria: Blog

Albert Nobbs… Ser ou não ser.

Ok. Ela tentou. Deu o melhor de si, mas foi justamente no ano em que Merly Streep fez a Dama de Ferro. Aí ficou difícil para Glenn. Muitos dizem que o ponto é que Merly parece não fazer força para atuar e Glenn parece estar suando em bicas para fazer bonito. Independente do grau de [...]

| Deixe um comentário

Mulheres Ricas? Ai! Que absurdo!

Colegas, amigas e companheiras de luta a estréia ontem do programa Mulheres ricas na emissora do esporte, causou o maior bafafá! É babado gente. Muitos criticaram: que absurdo – tanta gente passando fome no mundo – um país cheio de analfabetos – crise na Europa e essa mulherada usando nota de $ 100 como guardanapo! [...]

| Deixe um comentário

Eles só pensam naquilo!

Recentemente um fato me chamou mais do atenção, me indignou, o caso da menina Naama Margolese. Moradora da cidade de Beit Shemesh, judia religiosa, com 8 aninhos de idade e estudante de uma escola também religiosa – ela foi atacada por Haredins (judeus ultraortodoxos – conhecidos como puristas do judaísmo) por estar vestida de maneira [...]

| Deixe um comentário

Amor Eterno?

Amor eterno… Amigas, colegas e companheiras de luta vamos refletir sobre o amor eterno? Se nem o nosso corpinho hidratado é eterno, porque o amor que temos ou que recebemos de um bofe tem que ser? Por que temos esse desejo de eternizar os momentos e as situações? Que apego é esse? Que necessidade absoluta [...]

| 4 Comentários

Twitter líquido!

Seguir ou não seguir o piu piu azul… No último post eu falei sobre TED – transtorno de expressão desprezada. Devido a isso fui surpreendida pelo comentário super interessante de uma amiga, colega e companheira de luta, a super mega ultra Letícia (excluo o sobrenome pra preservação da intimidade da poderosa) que me disse sofrer [...]

| Deixe um comentário

FALE COMIGO!!!

Ninguém gosta de indiferença! No fundo todos querem atenção. Fale comigo! Chora comigo! Fica comigo! Ai! Que carência! Se bem que, nos dias de hoje, acredito que essa carência seja um comportamento induzido. Afinal, estamos na era do “você tem que se expressar!”. O grande lance é tornar sua vida pública. Que mané privado o [...]

| 13 Comentários